Ressignificação das coisas – Um termo que deve ser apreciado

0

Para a Neurolinguistica, ressignificação das coisas é um método utilizado para que as pessoas possam atribuir novo significado à acontecimentos, através da mudança de sua visão de mundo, percebendo-o de maneira mais agradável, proveitosa e eficiente.

Mas, explicações teóricas a parte, vamos à prática. A vida é prática, mesmo sendo complexa.
Tenho treinado diariamente esta capacidade de ressignificar, seja em pequenas coisas ou em grandes sentimentos e lembranças. Desde ir à um lugar que te trazia lembranças nada agradáveis ou as melhores possíveis, até perdoar aquela pessoa que te magoou profundamente.

Neste processo, identifiquei algumas etapas:

1) Reviver:

Importantíssimo para o processo de ressignificação das coisas. Colocar-se em contato novamente com aquele estímulo que antes poderia ser aversivo, e, através de novas contingências e vivências, torná-lo agradável. Ir à um restaurante que te deixou más recordações, seja pela última companhia, ou pelo prato servido, é uma ressignificação importante. Além de reviver o momento, o resultado, naturalmente, será diferente. Novas risadas, novos sentimentos, novos abraços, nova vida. Afinal, ela se renova diariamente.

2) Repensar: 

Se a situação anterior deixou resquícios não agradáveis, é melhor repensar sobre ela. Mas o que ela trouxe, de forma geral? Quais foram os aprendizados? O que eu não quero viver denovo? Repensar, trazer a tona, e, reviver.

3) Ressignificar: 

Revivemos, repensamos e agora, ressignificamos. Damos nova cor ao que passou, nova vida, novo significado, enfim. O medo transforma-se em coragem, a vontade de fugir em vontade de correr, a raiva em (novo) amor.

4) Mudar: 

Depois deste logo, e por vezes doloroso processo, algo de diferente irá acontecer. Por menor que seja, a mudança vai surgir. E ela é significativa, independente do tamanho. Se os passos anteriores forem feitos corretamente, você já mudou. Se você se permitir reviver situações, repensar decisões, ressignificar verdades, pronto, você já mudou.
 No começo você você vai ver o carro da sua ex ou seu ex por exemplo e vai sofrer, depois de um tempo você vai pensar já transei nesse carro eu sou fera mesmo.
 E que bom que temos estas oportunidades na vida. Porém, não adianta saber o que e o como fazer se não dermos o primeiro passo. O vencedor da maior maratona do mundo começou com um primeiro passo. O andarilho começa com um primeiro passo. E eu já dei o meu, por maior que seja a dor. E ai como foi seu primeiro passa? Se precisar bora conversar me add la e não se esqueci de se inscrever no canal link abaixo. E um beijo e um abração, tamo junto!
canal destilamente:
também curta nossa página para companhar novos conteúdos:
 

Deixe um comentário

avatar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
Notify of