Fuga – Cacife Clandestino – (Clip + Letra + Mp3 Download) – (Rap)

0

Essa mina é louca – Me chama de madruga na porta de casa
Não aguenta me ver com outra – Se to acompanhado ela sempre me atrasa…

download link direto >>>  Cacife-clandestino-FUGA.mp3 (411 downloads)

Fuga – Cacife Clandestino

Toda madruga ela bebe e me liga
Bebe e me liga toda madruga
Sempre na bad por suas amigas
Põe na vigia sempre do fuga

Do estilo de vida reclama
Na raiva me xinga e diz que ama
As vezes não atendo por causa do drama
Pois tudo isso é saudade da cama

Me pede promete ela quer despedida
Eu digo que não ela sempre complica
Cansado desse surto e todas essa briga
Ela diz que é minha cuida da minha vida

Eu caio no encanto ela mexe comigo
Perigo envolvido ela sabe que tem
De novo no jogo dela sem vestido
Montada em mim eu me torno refém

Tudo bem hoje é só nós dois
Esquece de tudo deixa pra depois
Cara de sapeca pose de santa
Ela deu brecha entrou na dança

Chega na festa e não se cansa
Quando me avista sempre me avança
Sempre quando eu vejo eu me arrependo
Até hoje eu não entendo porque

Essa mina é louca
Me chama de madruga na porta de casa
Não aguenta me ver com outra
Se to acompanhado ela sempre me atrasa

Toda madruga ela bebe e me liga
Bebe e me liga toda madruga
Sempre na bad por suas amigas
Põe na vigia sempre do fuga

Do estilo de vida reclama
Na raiva me xinga diz que me ama
As vezes não atendo por causa do drama
Pois tudo isso é saudade da cama

Ela fala que curte o swing da ginga
Que é por amor que ela me xinga
Se for preciso faz a mandinga
Mas calma ai que isso minha linda ?

Com copo na mão e o telefone na outra
Na porta de casa com pouca roupa
Como já disse essa mina é louca
Grita meu nome até fica rouca

Isso eu já sei ela me quer não tem jeito
Insisti em achar um momento perfeito
Fica perseguindo as mina que deito
Fala que não liga para todos defeitos

Mas isso duvido, ela briga comigo
Atendo desligo, ela fora de si
Já tinha aprendido com todos perdidos
Orgulho ferido não deixa eu dormir

Sempre perturba, toda madruga
Liga confusa, querendo eu
Agarra minha blusa, fala me usa
Eu sempre pergunto que aconteceu

Eu vejo que ela
Move o mundo pra ficar comigo
Me pede uma noite
Eu aceito o pedido

Toda madruga ela bebe e me liga
Bebe e me liga toda madruga
Sempre na bad por suas amigas
Põe na vigia sempre do fuga

Do estilo de vida reclama
Na raiva me xinga e diz que ama
As vezes não atendo por causa do drama
Pois tudo isso e saudade da cama

 

Deixe um comentário

avatar

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Subscribe  
Notify of