The International: premiação milionária do torneio de Dota 2

0

Com ajuda de fãs, recompensa da competição de Dota 2 foi de R$ 94,8 milhões em 2017

The International é o principal torneio de DotA 2. O campeonato mundial que acontece todo ano movimenta quantidades absurdas de dinheiro e consagra as melhores equipes no MOBA da Valve. Desde sua terceira edição, em 2013, a maior parte da premiação é arrecadada por micro transações dentro do game – recompensando o apoio dos jogadores casuais com itens inéditos. Veja a seguir, como funciona a premiação do torneio e descubra como a desenvolvedora arrecada tanto dinheiro.

O The International 2018 é a oitava edição do evento e vai acontecer entre os dias 20 e 25 de agosto, em Vancouver. Considerando a capacidade da Rogers Arena, mais de 18 mil espectadores devem acompanhar o mundial nas arquibancadas do estádio canadense. Mas os números que mais chamam a atenção no torneio estão no pódio: faltando cerca de 40 dias para o torneio, o prêmio total da disputa já ultrapassa a casa dos US$ 20 milhões (mais de R$ 77 milhões, em conversão direta).

Como o dinheiro é arrecadado?

Além de contar com uma base de US$ 1,6 milhão (cerca de R$ 6,1 milhões) da própria Valve, a premiação final por trás do TI deste ano é formada por 25% das vendas do Passe de Batalha 2018 (um pacote de itens, benefícios e novidades exclusivas). No geral, o conjunto funciona em um esquema de campanha, onde o usuário cumpre objetivos para subir de nível e receber mais artigos especiais. O passe está sendo comercializado em versões de R$ 35,99 ou R$ 129,99, e deixa os jogadores no nível 1 ou 75, respectivamente.

Subindo de nível, os compradores recebem novas texturas para o mapa, efeitos visuais alternativos, ícones de suas equipes favoritas, mais estampas de spray e outras recompensas, como os valiosos tesouros imortais: caixas que guardam – itens raros e limitados. O desafio é tão sério, que as etapas mais avançadas chegam a presentear o usuário com uma réplica em miniatura da Égide dos Campeões, o troféu que será erguido pelos vencedores do The Invitational.

Forjada em prata e bronze, a Égide dos Campeões simboliza a vitória no The Invitational (Foto: Divulgação/ Valve)

Mas o grande destaque do Passe de Batalha 2018 é o modo “The Underhollow”, que segue o estilos Battle Royale e se inspira no sucesso de títulos como Fortnite ou PUBG. Baseado no monstro Roshan, o modo de jogo extra inclui um enredo simples e coloca oito equipes de três jogadores para sobreviver em um labirinto cavernoso.

Tradição milionária

O primeiro The International da história aconteceu em 2011 e surgiu para provar que a Valve estava disposta a investir no cenário competitivo: a desenvolvedora anunciou, em uma época onde os esports ainda engatinhavam, que o torneio iria premiar –  incrível US$ 1,6 milhão (cerca de R$ 6,1 milhões). De lá pra cá, a quantia continuou aumentando e foi beneficiada pelo novo modelo de negócios da empresa, que da terceira edição em diante, passou a usar o suporte dos fãs para melhorar a recompensa do campeonato. Relembre o prêmio de todos os mundiais anteriores:

Premiação do The International (2011 – 2017)

Ano Valor do prêmio (US$) Valor do prêmio (R$)
2011 US$ 1,6 milhão cerca de R$ 6,1 milhões
2012 US$ 1,6 milhão cerca de R$ 6,1 milhões
2013 US$ 2,8 milhões cerca de R$ 10,7 milhões
2014 US$ 10,9 milhões cerca de R$ 41,8 milhões
2015 US$ 18,4 milhões cerca de R$ 70,6 milhões
2016 US$ 20,7 milhões cerca de R$ 79,4 milhões
2017 US$ 24,7 milhões cerca de R$ 94,8 milhões

O auge no valor da premiação aconteceu na última edição, quando o TI 2017 distribuiu US$ 24,7 milhões (cerca de cerca de R$ 94,8 milhões) entre as 18 equipes que participaram da disputa. Foi tanto dinheiro em jogo – que mesmo os times da Fnatic e Hellraisers, que tiveram as piores campanhas do evento, acabaram com mais de US$ 60 mil (cerca de R$ 230 mil). Já a Team Liquid, que venceu o torneio, levou mais de US$ 10 milhões (cerca de R$ 32 milhões) para casa.

Após vencer a Newbee por 3 a 0, Team Liquid comemora o título mundial no TI17 (Foto: Divulgação/ Valve)

A quantia arrecada em 2018 está prestes a se igualar ao The International 2016 – que teve uma premiação de US$ 20,7 milhões (cerca de R$ 79,4 milhões). Com cerca de 40 dias para o início do campeonato, a tendência é que as contribuições da oitava – edição se igualem aos números de 2017. Se a meta for alcançada e o recorde batido mais uma vez, todos os jogadores que colaboraram comprando o Passe de Batalha 2018 devem receber um bônus in-game.

Concorrência pesada

Por mais que os esportes eletrônicos estejam em um bom momento de crescimento, Dota 2 ainda é a modalidade mais rentável no quesito competições: o MOBA já distribuiu mais de US$ 143 milhões em torneios (R$ 548 milhões). Além disso, as últimas quatro edições do The International (entre os anos de 2014 e 2017) são os eventos de maior premiação de todos os tempos.

 Os jogadores profissionais de Dota2 também são os que recebem mais. De acordo com o ranking de atletas eletrônicos mais rentáveis, os 40 atletas de e-sports que mais receberam dinheiro em campeonatos são jogadores de Dota 2. O primeiro deles é o alemão Kuro “KuroKy” Takhasomy, que venceu o TI 2017 pela Team Liquid e já conseguiu mais de US$ 3,7 milhões (cercade R$ 142 milhões) ao longo de sua carreira.

Kuro “KuroKy” Takhasomy é o atleta de esports que mais ganhou dinheiro em torneios (Foto: Divulgação/ Valve)

Os outros dois títulos que mais valem a pena financeiramente são Counter Strike: Global Offensive (CS:GO) e League of Legends (LoL). No LoL, o campeonato de maior premiação foi o mundial de 2016, que teve pouco mais de US$ 5 milhões (R$ 21 milhões) em prêmios. Já no CS:GO, o torneio com a maior recompensa foi o WESG 2017 e sua prize pool de US$ 1,5 milhão (R$ 5.7 milhões). Também vale lembrar que os quatro atletas que mais ganharam dinheiro jogando o FPS são os brasileiros Gabriel “Fallen” Toledo, Fernando “fer” Alvarenga, Epitácio “TACO” de Melo e Marcelo “coldzera” David.

 

Deixe um comentário

avatar

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Subscribe  
Notify of