Resident Evil 3 Remake é anunciado para abril de 2020

Ariston Simon
Read Time1 Minute, 24 Second

Resident Evil 3 Remake foi anunciado nesta terça-feira (10), durante o programa State of Play. O game da Capcom será lançado no dia 3 de abril de 2020 para PlayStation 4, Xbox One e PC.

Abaixo, assista ao trailer de revelação do jogo, que traz Jill Valentine, Carlos Oliveira e o clássico vilão Nemesis. O vídeo está com legendas em português:

Resident Evil 3 apresenta Jill Valentine em sua fuga de uma Raccoon City em ruínas enquanto é perseguida pela bioarma Nemesis. O game se passa durante o surto do T-vírus, agente biológico desenvolvido pela Umbrella Corporation.

Além do modo história, Resident Evil 3 também inclui o multiplayer online Resident Evil Resistance, anteriormente conhecido pelo codinome Project Resistance. No jogo, quatro Sobreviventes precisam trabalhar em equipe para fugir de um experimento secreto e superar Nemesis. O quinto jogador da partida assume o controle do vilão.

Pela primeira vez na franquia, os Vilões podem até mesmo controlar diretamente bioarmas de elite como o G-Birkin ou o Tirano. Por sua vez, os Sobreviventes devem trabalhar juntos com eficiência e aproveitar as diversas armas e as habilidades especiais únicas de cada personagem para ter uma chance de escapar do experimento antes que o tempo acabe.

Resident Evil 3 será lançado para PlayStation 4, Xbox One e PC (via Steam) no dia 3 de abril de 2020. O jogo terá legendas em português do Brasil.

A pré-venda de Resident Evil 3 Remake já está disponível. Quem adquirir o game digital antecipadamente receberá o exclusivo Pacote de Roupas Clássicas que contém o design original de Jill Valentine e o cabelo original de Carlos Oliveira.

0 0
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleppy
Sleppy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Deixe um comentário

avatar

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
Notify of
Next Post

Diretor de Guardiões da Galáxia é demitido por tweets ofensivos

O diretor dos filmes Guardiões da Galáxia, James Gunn, foi demitido pela Disney após diversas mensagens ofensivas publicadas no Twitter há anos voltarem a circular. Os tweets envolvem piadas sobre estupro e pedofilia, por exemplo. James Gunn, atualmente, […]